Todo apoio aos estudantes da USP contra os cortes no passe estudantil!

Após uma mudança no cadastramento dos estudantes na SPTrans, estudantes moradores do conjunto residencial da USP (CRUSP) foram excluídos do direito ao Passe Livre Estudantil. A alegação é que com o novo cadastro, os estudantes que residem dentro da universidade moram a menos de 1 km do local de estudos, entram na cláusula de exclusão e, portanto, não necessitam da isenção na tarifa. É importante lembrar que para residir no CRUSP, os estudantes passam por um rigoroso processo de análise socioeconômica, o que atesta que quem consegue esse direito são os estudantes mais pobres da universidade.

A SPTrans, a Prefeitura de São Paulo e a Reitoria da USP não levam em conta que os estudantes necessitam se deslocar pela cidade para participar de atividades acadêmicas em outras universidades, atividades culturais que os currículos de muitos cursos solicitam, acesso a arquivos, museus, etc. E por que não lazer em dias de descanso?

Por trás desses cortes nos passes estudantis e o aumento da tarifa na cidade de São Paulo, existe o compromisso dos burocratas em garantir os lucros dos empresários do transporte, enquanto tiram direitos de quem mais precisa!

Se esse absurdo foi um erro de cadastro da reitoria, que resolvam! A luta é uma só, estudantes e trabalhadores contra a carestia de vida!

Saiba mais sobre o ato e a situação:

https://www.facebook.com/events/2002056589907111/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s