Quem somos nós

          A Resistência Popular Sindical é uma tendência políticosocial que se organiza com o intuito de promover uma determinada concepção sindical nas lutas por local de trabalho e categoria e as vincular a um projeto mais amplo de poder popular. Concebemos o poder popular como um modelo generalizado de poder pautado na autogestão e estabelecido pelas classes oprimidas em relação às classes dominantes, o qual fornece as bases para uma nova sociedade. O poder popular, assim concebido, visa a supressão do capitalismo, do Estado e das relações de dominação de maneira geral, substituindo os por uma nova estrutura de poder, estabelecida a partir dos locais de trabalho e de moradia, de estudo etc. Funcionamos como um coletivo organizado de trabalhadores e de oprimidos que discute as maneiras de concebermos melhor nossa atuação nesses espaços, um agrupamento de tendência.
Entendemos que dentro do conjunto das classes oprimidas, a luta sindical tem uma significativa importância para a construção do poder popular. Para nós, é fundamental que os trabalhadores se organizem em seus locais de trabalho ou categoria, sem entender que ele seja o único ou necessariamente o mais importante espaço de articulação dos oprimidos. Em outras palavras, nossa atuação se dá no campo sindical, mas entendemos que os de baixo podem e devem se organizar naquilo que possuírem identificação, sem hierarquizar, a priori, um espaço em relação ao outro. E que trabalhadores sem atuação em organização sindical, como autônomos, também podem se organizar com outros em seu espaço de trabalho ou categoria.

Partimos da necessidade de construir o protagonismo e a organização popular de forma combativa, solidária, independente e não sectária e de romper com as práticas tradicionais, não exclusivas do movimento sindical, como a burocracia e o aparelhismo, velhos causadores de fragmentação e cooptação das lutas, dos lutadores e das conquistas. Afirmamos não apenas o resgate de um discurso, mas, principalmente, a disposição para novas práticas, que apontem para a reconstrução do sindicalismo combativo e classista.

Email: rpsindsp@riseup.net